vida que segue

vidaFazia tempo que eu não me deixava levar pelos meus sonhos. eu me protegia de mim mesma, protegia meus olhos, meu corpo, minha mente e meu coração. Buscava diversão, mas nunca o amor. O amor sempre me machucou mais do que me ofereceu alegrias. O amor é traiçoeiro, pelo menos os amores que eu tenho vivido por aqui.

Cinco anos solteira e me deixei levar por um novo amor. Me envolvi, amei com tudo que me restou, dei tudo o que tinha e quando não tinha mais nada fiz empréstimos de amor, queria te dá tudo, queria ser tua pessoa. Decidimos casar e eu me vi envolvida em planos, orçamentos, layout, madrinhas, sorrisos e listas. Esqueci de manter os pés no chão, esqueci que eu ainda poderia cair. Amei, de novo, dei tudo o que eu tinha e agora estou aqui, com coração rasgado,  com planos no chão e eu meio que sem acreditar, com vontade de tapear minha cara e gritar, perguntando mil vezes o que me levou a acreditar que agora, justo agora seria diferente. Hoje, no culto, foi feliz. Mesmo no chão, sem forças para chorar, sem forças para olhar no olho, sem forças para sorrir, hoje quando eu pensei que não tinha nada, eu lembro do principio… do Deus que cura, da minha rede de segurança, minha família e meus amigos, eu lembrei que eu posso cair um milhão de vezes, pois eu tenho um fonte inesgotável de amor, que sempre irá me suprir e me suportar.

Anúncios

MONTANHA

Sonhei com você. E fiquei pensando que tudo o que eu precisava hoje era deitar na tua cama e te falar tudo que vem no meu coração, meus medos, meus planos, meus sonhos. Ouvir a sua opinião, sempre tão sincera e cheia de verdades. Queria chorar, chorar todas as lágrimas que guardo na alma desde março de 2014.

Sabe Montanha, você tem feito uma falta que eu não sei nem explicar. Você era minha pessoa e acho que você ainda é, se não fosse não sobrava tanta falta e te dizer, sobra muita falta. Eu amei você e amo. Acho que por isso que sinto sua falta, por um bom tempo você foi a minha razão, mesmo sem nunca me olhar e recriminar as minhas piores faces, você me amava na voz, no toque, você me amava no olhar.

Acho que o que nos separou foi essa quantidade absurda de amor, essa aceitação que havia entre eu e você que ia além. Você não soube lidar com isso, e sabe, eu te entendo, não entendia antes, você me machucou de uma forma que ninguém mais fará. Você foi embora sem avisar e quando eu vi, não te vi. Sentia sua falta nos meus ossos, sentia sua falta no canto mais profundo do meu sorriso.

E hoje, depois de tudo, sinto sua falta. Sinto falta dos teus conselhos. Queria te dizer que namoro um cara que você não aprovaria. Ele é tudo de diferente. Ele é completamente diferente do que conhecemos. Ele também não ia gostar de você, ele perceberia, que você era meu melhor amigo. Minha pessoa nesse mundo. Talvez ele se torne essa pessoa para mim, de um jeito novo.

Mas, nunca te quis longe da minha vida, nunca quis passar por esse mundo sem te ter por perto. Hoje eu acordei com saudade do que tinhamos, mas eu entendo, tínhamos muito um do outro e acabava não sobrando muito para a gente dividir com as outras pessoas e você precisava tomar de mim, tudo que era meu, para poder dividir com outras pessoas. Hoje, eu te daria, hoje eu entendo a necessidade, mas hoje eu não posso tomar de ti tudo que é teu, pois não te tenho para recuperar a quantidade de sentimento que depositei naquilo que eu pensei ser nosso.

Cartas que eu não mando…

Dear,

Não falo com você tem mais de um mês e por mais que nossas conversas normalmente sou eu interessada no que você tem a dizer, sinto sua falta, ou sinto falta de ter alguém como você para conversar.

Minha vida está a passos de mudar 100% e eu queria compartilhar isso com você, mas sinto que não é a hora. Sinto que estragaria uma “bala” te contando. Você não fica online, o que me faz pensar que você está trabalhando demais em seu novo projeto e espero que esteja tudo bem contigo.

Sonhei com você ano passado, acho que foi no dia das mães, sonhei com você e meu sobrinho, nesse dia eu disse para minha irmã sossegar o coração dela que Deus tinha me mostrado o filho dela, mas não disse para ninguém que você estava dentro da casa, do meu sonho, ali você era minha família, há dois dias minha irmão confirmou que está grávida de um menino, tal qual no meu sonho, daí você me voltou a memoria, voltou para minha vida, diferente do que era ano passado, diferente de tudo. Você voltou dentro dos meus sonhos. romance1

Sonhei conosco deitados em uma cama, e passávamos horas conversando sobre diversas coisas, e eu não queria acordar. Sonhei com você hoje e sinto uma vontade de dormi no intuito de quem sabe sonhar com você novamente.

Lembro do que aconteceu ano passado. Lembro que não conseguir me despedir de você, lembro do último momento em que eu demorei meu olhar em ti. Lembro do vacilo que eu dei não indo falar com você. Lembro de você. Queria que você gostasse de mim, queria que você me amasse, queria que fosse de verdade.

Pode ser que não seja você, olhando de forma clara, não é. Você mora longe, nunca me deu uma chance, sempre deixou claro que não acredita em relacionamentos a distancia e todas as coisas que conversamos.

O tempo passou e eu ainda ando pensando em você. Penso que canso de pensar e penso que você não pensa em mim… não machuca, não mais. Passou. Seguir. O problema é que você tem me perseguido dentro dos meus sonhos, o BB te trouxe de volta e eu lembro de como eu fiquei destruída e de como eu odiei não te odiar por não me amar.

EM frente e avante, sem planos, sou eu e o presente mais o futuro que me reserva mais surpresas do que um dia eu pude imaginar.

Rédeas

Tenho escrito tanto para tantas pessoas que tenho perdido a oportunidade de escrever sobre mim, a vida mudou, sair do emprego na empresa que eu amava e me aventurei em uma empresa pequena, mas que parecia ser o canto certo para mim. Foi um engano, mas que valeu, as vezes perder é ganhar, depois que eu sair de lá, sim eu sair a vida deu uma volta de 180º e apesar do giro eu voltei para um local que eu já estive antes. Junto com isso veio a possibilidade de mudar de estado, de ir morar em uma das maiores cidades do Brasil, junto com essa possibilidade “n” outras surgem juntas: morar sozinha, responsabilidades, vocação, rever amigos, conhecer pessoas novas, quem sabe conhecer a pessoa, estudar, estudar, saudade louca da minha vida que é ótima aqui, mas se é ótima pq abrir mão. 

Eu tenho tudo, amigos, família, minha igreja, meus sobrinhos, eu tenho tudo, me sinto querida e amada, reconhecida, eu tenho voz. Não tenho motivos, lógicos para ir e ao mesmo tempo me sinto levitando, como se nada disso fincasse meus pés, nada disso me prende no chão como raiz. 

Sei que não terei os mimos queridos, dos meus queridos, não terei minha vó sempre que a saudade bater, nem a Sof me chamando, nem serei o rosto esperado do meu sobrinho que nem nasceu. Sei, de tanto que eu não terei, que eu não verei, sei que vai sobrar mais falta  do que sobrou. 

Mas, mesmo assim, sinto que é a hora de ir. Hora de acertar o passo e voltar para o compasso, ser quem eu sou. 

Apesar de toda a certeza ainda surgem dúvidas, e algumas lágrimas correm livrementes. sinto muita saudade de tudo o que eu tenho, mas sinto que preciso assumir as rédeas da minha vida!

Não vai passar

imagesFiquei com saudade.
Saudade de perder meu sono e te ter para conversar.
Old friend, saudade de fugir para você.
Saudade de caminhar com vc no telefone.
Saudade de ouvir tua voz dizendo meu nome.
Saudade de dividir minha vida contigo.
Saudade de orar por você, saudade de tirar tuas dúvidas.
Tudo mudou e nunca mais será igual, mas não posso deixar de sentir
essa saudade que não grita, mas que sussurra a tua lembrança e me enche de saudade.

Amei meu melhor amigo

10451708_788951257795896_7265529243955395666_n (1)
Fomos amantes e nos amamos. Por anos, meses, dias, as claras, no oculto, na cumplicidade de um olhar.
Ele era meu porto, minha montanha, meu chocolate em dias de TPM. Meu sorriso, minha calma, minha paz.
Amei meu melhor amigo, quando o meu amor virou dor, eu amei meu melhor amigo quando o amor mudou para ele, mas não mudou pra mim eu decidir que podia perder meu amor, mas não iria perder meu melhor amigo. Chorei sozinha, amei sozinha sentir minha carne rasgar todas as vezes que ele me falava de um novo alguém. Mas a carne cicatriza e aos poucos meu amor também mudou.
Amei meu melhor amigo e andamos por esse mundo, ombro a ombro, com sorriso nos olhos, carregando na alma aquela cumplicidade que só adquirimos com muita convivência, muitas horas gastas. Com ele eu chorei outros amores, com ele eu chorei por um amor que nunca me deixou, com ele eu podia ser fraca, com ele eu podia ser rosa e não aço.
Amei meu melhor amigo. Ouvir ele falar de um novo amor. E fui feliz por saber que ele estava amando e sendo correspondido na mesma intensidade. Amor, quando é amor, traz felicidade e, de certa forma, eu me sentia parte de tudo, eu amava meu melhor amigo e esse amor podia ser dividido sem perder sua força.
Amei meu melhor amigo, e a vida o levou para longe, mas amizades não são geográficas e nos falávamos sempre, eu gostava de ouvir a tua voz, gostava de contar meu dia, minha vida de ouvir sobre as suas compras, suas notas, seus dias. Nossa amizade seguia, segura dentro do amor que sempre nos uniu.
Amei meu melhor amigo, mas ele pediu para sair da minha vida, pediu para repensar a nossa relação, Mais uma vez meu melhor amigo machucou, não sei onde eu fui atingida, não sei quais os motivos o levaram para longe ele simplesmente foi. Ele não olhou e nem pensou em me dizer o motivo, ele só lavou sua alma e me tirou da sua vida como uma sujeira que ele não poderia mais conviver.
Amei meu melhor amigo e demorei tempo demais para entender que fazia um tempo que esse amor só fazia sentindo para mim e já fazia um tempo que eu andava por aqui amando sozinha, sendo amiga sozinha e acreditando não está só.
Amei meu melhor amigo esse foi meu maior acerto e minha maior decepção.

Star Wars

Leio uma noticia sobre Star Wars e instantaneamente eu lembro de como era bom não precisar lembrar de você, já que eu sabia, sim eu sabia que você seria meu eu mais certo, pra sempre.

Você me fez assistir Star Wars e um dia dos namorados eu te dei todos os filmes e prometemos assistir todos os que voltassem ao cinema, desde o fim nunca mais assistir.

Fujo das conversas sobre esse filme, porque eu lembro de como era bom conversar com você sobre os assuntos que só te interessavam e de repente esse assunto parecia tão meu.

Hoje eu li uma noticia sobre o teu filme, outro dia eu li sobre o show da tua banda preferida, mas todas essas coisas você amava quando me amava hoje você não me ama mais e não tenho garantia que essas coisas ainda importam para você.

Mas elas me lembram você, como o teu cheiro que eu guardo naquele livro que um dia você me deu.